segunda-feira, 11 de julho de 2011

Mostra Artística TIM ArtEducAção em Araxá - hoje (11)

"Grande Hotel – Gigante da Terra do Sol" é o tema do espetáculo oferecido para a cidade, dia 11 de julho, com entrada franca

 

É no clima dos anos de 1940 e 1950 que a Mostra Artística do TIM ArtEducAção vai ser apresentada em Araxá. O ilustre protagonista é o Grande Hotel, ambiciosa construção, que se impõe pela beleza não só da arquitetura, mas também pelas marcas deixadas na história da cidade e do País. O espetáculo será realizado dia 11 de julho, às 19h30, no Cine Teatro do Tauá Grande Hotel e Termas de Araxá. O evento é aberto ao público. 

 

A articuladora do Programa na cidade, Maria Amália Dumont de Oliveira, conta que o espetáculo vai girar em torno da história de Francisco Matias de Oliveira, um dos primeiros funcionários do luxuoso hotel. "A Mostra vai abordar de maneira poética da história do Grande Hotel de Araxá. A história do senhor Francisco diz muito sobre o hotel, a cidade e as transformações ocorridas na época", explica.  

 

Para o idealizador do programa TIM ArtEducAção, Marcelo Soares de Andrade, "a mostra artística representa muito mais do que uma apresentação dos resultados das oficinas, elas concretizam todo o trabalho feito conectando as mesmas a partir de um tema central no qual o espetáculo se desenvolve, permitindo o encantamento e formação de platéias. A magia da arte então se manifesta. É um orgulho para os alunos, que participam no palco, e para os pais que presenciam, muitos pela primeira vez, o poder transformador da arte", afirma.

 

A diretora artística da Mostra em Araxá, Wanilza Aparecida Vieira, adianta alguns detalhes do espetáculo. "É impossível falar do Hotel sem citar as pessoas que ali trabalham. Por isso, vamos homenagear alguns funcionários e ex-funcionários do grande Hotel. O senhor Francisco é uma figura poética e de grande importância, já que trabalhou no hotel por 35 anos. Vai ser tudo muito bonito e emocionante".  

 

Para a apresentação, foi composta a canção "O Primeiro Sol", de autoria do William Bruno, arte-educador da oficina de música. "A música foi criada especialmente para a peça e está emocionante. Consegui destacar a importância do Hotel para Araxá e seus moradores", afirma. Estão sendo trabalhadas outras músicas para a Mostra. O objetivo é contextualizar a época através das canções. "Vamos contar a história da cidade através da música. Escolhemos musicas das décadas de 1940 e 1950. As marchinhas e chorinho lembram bem as festas do grande Hotel e o jazz homenageia o cassino. Foi muito gratificante ver as crianças vencerem o desafio de cantar em inglês", completa. Foi montado um coral de 30 vozes, com crianças de 8 a 13 anos de idade.  Para o arte-educador, a música tem grande importância na formação das crianças. "É muito bom poder levar músicas de qualidade para os alunos. Assim eles aprendem um pouco da cultura musical brasileira", exalta.    

 

Quem também vê o grande desenvolvimento das crianças é a arte-educadora da oficina de dança de Araxá, Ana Cláudia Silva Fernandes. "Vejo as meninas com outra postura. Elas estão mais calmas, centradas e despertas pra vida", diz. Mas toda essa calma acaba quando o assunto é a Mostra Artística. "Elas estão eufóricas, com muita vontade de se apresentar no palco. O grande Hotel é cheio de histórias bonitas e não só as crianças, mas também todos os espectadores, vão poder se deliciar com o luxo, glamour e beleza do hotel e de sua história", revela.

 

Há 10 anos oferecendo oficinas artísticas a cerca de cinco mil alunos da rede pública de ensino, em 12 cidades mineiras, o TIM ArtEducAção proporciona aos alunos a oportunidade de não só aprender uma arte como também desenvolver o seu lado cidadão, atuando de forma ativa em sua comunidade.

 

Capacitação

 

Uma das novidades do ANO 10 foi a ampliação da capacitação dos arte-educadores, que participaram de oficinas de maquiagem, figurino, cenografia, adereçaria e iluminação no Centro de Produção Técnica da Fundação Clóvis Salgado, na Vila Marzagão, em Sabará (MG). Eles também passaram por mais uma capacitação com idealizador do Programa, Marcelo Soares de Andrade, que percorreu todas as 12 cidades ministrando a oficina Diálogos Sobre Construção do Espetáculo. "Foi muito importante a experiência do Marcelo para analisar o texto. Ele conseguiu nos auxiliar nas questões para valorizar a cultura local", exalta Wanilza Aparecida Vieira, diretora artística da Mostra em Araxá.  

 

Participação

 

O Grupo Tauá, responsável pela administração do Grande Hotel, é parceiro do TIM ArtEducAção e recebeu o Programa de braços abertos. A Secretaria Municipal de Educação realiza o TIM ArtEducAção dentro de cinco escolas da rede pública de ensino, inclusive em uma escola rural.

 

"Além das grandes transformações sociais que o programa vem acumulando ao longo de 10 anos, é importante ressaltar também a parceria e a integração que ele promove entre as iniciativas pública, privada e terceiro setor, formando o verdadeiro tripé sustentável do investimento social. É um programa conduzido e administrado de forma profissional, sem que os profissionais envolvidos percam a sensibilidade necessária para utilizar a arte como instrumento que proporciona novas oportunidades", destaca o diretor Consumer da TIM em Minas Gerais, Espírito Santo e Rio de Janeiro, Fernando Mota.

 

Desenvolvido em várias cidades do Estado, o TIM ArtEducAção está presente em Araxá, Barbacena, Governador Valadares, Juiz de Fora, Lavras, Montes Claros, Poços de Caldas, Ubá, Uberaba, Uberlândia, Varginha e Viçosa. Realizado desde 2001 o Programa tem obtido resultados positivos nas cidades mineiras beneficiadas pela iniciativa. O TIM ArtEducAção é coordenado pela ONG Humanizarte e patrocinado pela TIM, através da Lei Estadual de Incentivo à Cultura. A Prefeitura Municipal de Araxá é parceira do Programa, através da Secretaria Municipal de Educação que é realizadora do TIM ArtEducAção na cidade há seis anos.

 

SERVICO

Mostra Artística TIM ArtEducAção em Araxá

Data: 11 de julho, às 19h30.

Local: Cine Teatro do Tauá Grande Hotel e Termas de Araxá, Avenida do Contorno, nº 80, Estância do Barreiro.

Entrada franca, sujeita à lotação do teatro (460 lugares)


Flávia Rios | Rede

--
FarolComColetivo de Imprensa
rede web de informação e cultura